Recent Posts

Total de visualizações de página

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

"Arte pra mim não é produto de mercado. Podem me chamar de romântico. Arte pra mim é missão, vocação e festa".
( ARIANO SUASSUNA)

          As nossas festas,  os nossos artistas... quando falamos em festa em geral as pessoas associam a um momento de alegria e desconexão com a realidade. Se ora o caráter lúdico das festas predomina, é na coletividade, na partilha, na interação entre as pessoas que a ACDC vai fortalecendo suas raízes, demonstrando  que é possível uma vivência que resgate o prazer de se estar com outras pessoas. Acreditamos que é preciso romper com a idéia de  individualismo e de grupos homogêneos que não se misturam com outros! 
            
"O corpo não é uma máquina como nos diz a ciência. Nem uma culpa como nos fez crer a religião. O corpo é uma festa. "
( Eduardo Galeno ) - Autor de "As veias abertas da América Latina

Temos percebido que até mesmo as festas foram capitalizadas e transformadas em meros produtos. Não temos nada contra ganhar dinheiro, mas que não seja somente ele o motivo para se reunir pessoas e oferecer música, comida, bebida de qualidade. Que seja pela dignidade humana, pela alegria e para trazer a oportunidade das pessoas se sentirem vinculadas umas às outras.
Qualquer músico, artista, DJ, quer ver o público reagir às suas intervenções! A ACDC quer ver o público interagir, mesclar-se, trocar idéias, propor projetos, criticar, dançar e fazer do mundo um lugar melhor!

Uma boa festa dá trabalho e não tem receita! Exige um trabalho de alquímia: misturar pessoas  como diría Danuza Leão, exige habilidade! Certas misturas combinam muito bem, outras são explosivas! :D


Deixamos ainda um texto sobre FESTAS da Danuza Leão!

Uma Festa Dentro de Mim...

Resolvi dar férias para as dores, tristezas e decepções.

Cansei de ficar reclamando, de achar culpados para a minha angústia. Resolvi mandar tudo plantar batatas e decidi: vou fazer uma festa dentro de mim!

Pra começar, eu vou para o espelho ensaiar o meu melhor sorriso, vou retirar essas marcas da minha testa, vou jogar fora essa máscara de dor que me acompanha há tantos dias, E preparem-se: eu quero é ser feliz, quero conhecer pessoas como você que é alegre, pra cima, alto astral; pra falar a verdade, eu também era assim, até que uma decepção me jogou para baixo.

Mas, hoje eu não quero falar de tristeza, quero saber é de coisas boas, quero ir ao cinema, sabe há quanto tempo eu não vou ao cinema? ...e tem mais, eu vou escolher o filme, chega de "gente" ficar escolhendo o que eu quero.

Hum! acho que vou passar no cabeleireiro antes, vou pintar os cabelos, cortar umas pontas, vou me agradar, só para o meu prazer.

Engraçado, agora que eu falei nisso, sabe que eu estava em um relacionamento onde eu fazia tudo para agradar a pessoa que estava comigo, fazia isso, não fazia aquilo para não magoar, não usava aquela roupa, usava aquele perfume, tudo para acertar, para manter o "clima", para fazer o gosto da pessoa e resolveu o que?

Ganhei um pé no traseiro, e perdi a vontade de viver. Você sabe onde eu errei?

Hoje eu sei! Eu errei na hora de anular os meus desejos, em transferir a minha vida para as mãos de outra pessoa, e é lógico, quando eu percebi que era o fim, fiquei sem chão, sem mundo, sem vida.

Mas, hoje é dia de festa e só para o meu prazer vou tomar um banho demorado, e vou fazer de conta que a água do chuveiro é água de batismo e vou "renascer para a vida".

Sai da minha frente que eu quero viver!!!

Quem quiser que me acompanhe.


Danuza Leão